Início/Dicas Marotas, Google/O jeito mais simples de fazer backups do Gmail

O jeito mais simples de fazer backups do Gmail

23 de dezembro de 2014|Tags: , |

Fui oficialmente incumbido pela diretoria da empresa em que trabalho para cuidar da melhorias de todos os processos, não apenas TI. Dos vários processo que estou trabalho, achei este tão extraordinariamente simples que decidi escrever este artigo:

Aqui na empresa, usamos a plataforma do Google para hospedar todos os emails. Quando temos que desativar alguma conta, precisamos fazer o backup e o processo era:

  • Entrar na conta
  • Mudar a senha
  • Usar algum programa de POP3 / Imap para fazer o download, o que demorava uma eternidade.
  • Excluir a conta.

Muito complicado e demorado, então fiz o que faço nessa situações, chamei o Chapolin Colo.. ops… Não, pensei: “Alguma alma sebosa também teve que fazer backups do Gmail e também achou complicado”. Porém essa mesma alma (só que agora caridosa) arregaçou as mangas e no lugar de ficar lamentando e reclamando como a vida é dura, decidiu resolver o problema: Got Your Back (GYB)
É tão absurdamente simples que tive inveja branca (apesar deu não acreditar que exista inveja branca.. kekekekeek)
Com uma simples linha de comando no terminal. é possível fazer o backup completo da sua conta de email via console. Veja imagem abaixo. E tem mais, como o GYB é feito em python, o mesmo código fonte roda no Mac e Linux. E para Windows?!?!? Existe um .EXE 😉

Mas ai você me diz: “Ô JÊNIO, quando precisamos fazer backup da minha conta pessoal ou, no caso do Google for Works, da minha própria conta, o problema tá resolvido. Porém se eu for o administrador do Google for Works?!?! Ainda terei mudar as senhas de todas as contas para pode acessá-las”

Então eu respondo “Pequeno gafanhoto, o que me deixou realmente impressionado foi que é possível dar permissão para que o Get Your Back tenha acesso administrativo a sua conta. Então dá para acessar todas as contas sem precisar de senhas.”

Achei essa ferramenta tão útil que porque basta criar um script para que faça backups diários, mensais etc etc de todas as contas com uma simples linha de comando. E além dos emails, também faz da Agenda, Drive etc etc.

Os emails ficam armazedos no drive, organizados por ano, mês e dia. E para abri-los, basta usar qualquer cliente de email que abra .EML (veja imagem abaixo).

Também existe uma ferramenta-irmã da mesma alma (ex-sobosa) caridosa, chamada GAM. Essa sim é o dashboard do Google for Words no terminal. Mas isso é assunto para um outro post.

 

Se quiser saber mais, entre em contato.

Sobre o Autor:

Por conta do vício em tecnologia, sou chamado de usuário.... mas quem não é? Mas sóbrio o suficiente para saber que é apenas um meio. O que realmente importa é são resultados produzidos!